Governo Federal quer priorizar políticas para primeira infância

postado em: Notícias | 0

Em Brasília, o governo federal deu um passo crucial para fortalecer políticas voltadas para a primeira infância, de zero a cinco anos. O Grupo de Trabalho (GT) sobre Primeira Infância do Conselho de Desenvolvimento Econômico Social Sustentável (Conselhão) foi lançado com a missão de impulsionar políticas públicas abrangentes para essa fase vital.

O presidente em exercício, Geraldo Alckmin, destacou a inclusão de um adicional de R$ 150 no Bolsa Família para famílias com crianças até seis anos, enfatizando sua importância em combater a fome. Ele ressaltou o progresso na redução da mortalidade infantil no Brasil, apontando que, embora tenhamos avançado, ainda há espaço para mais melhorias.

O ministro da Educação, Camilo Santana, realçou que os primeiros anos são cruciais para a formação cerebral e o desenvolvimento infantil. Ele destacou a importância de envolver as famílias e o Estado na implementação das políticas. O foco está na retomada de obras e construção de creches para alcançar a meta de 50% das crianças de zero a três anos matriculadas em creches até 2024.

A cerimônia de instalação do GT, com ministros e representantes da sociedade civil, enfatizou a relevância estratégica da primeira infância. O Secretário de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, afirmou que políticas centradas na infância transformam não apenas vidas individuais e familiares, mas também impactam comunidades e o país.

A presidente do Todos Pela Educação, Priscila Cruz, explicou que cada R$ 1 investido na primeira infância retorna como riqueza para o país. Ela lembrou que a legislação brasileira reconhece essa faixa etária como prioritária. O evento também trouxe parcerias para capacitar mulheres em habilidades digitais visando inclusão produtiva, enfatizando a importância do cuidado familiar.

 

FoNTE: Com informações de Agência Brasil

conteúdo editado 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × três =